segunda-feira, 25 de outubro de 2010

Amo...


Amo...Como quem descobriu a cinco segundos atrás que tem apenas um dia de vida, e perdeu todo o seu tempo com coisas fúteis e banais...com amores que duraram uma noite de realidade e dois anos de ilusão...
Amo...Como quem está a beira de uma ponte a esmolar por moedas, só que ao invés disso, peço apenas carinho, atenção, não custa nada eu sei, mas poucos são capazes de ofertar...
Quando eu cruzar o teu caminho, isso se eu não parar no meio da tragetória para chorar...oferta-me um doce e sincero abraço...
Estou precisando muito sentir-me amada, pois para mim o amor parece mais  uma piada, em que eu sou a única que não consegue rir...

Um comentário:

layla e isa disse...

entra no site:www.estrelaentreduas.blogspot.com
entra e seja nossa seguidora
e nos seremos a sua