domingo, 9 de janeiro de 2011

Só conhecemos a verdadeira solidão, quando perdemos quem amamos




Hoje não foi como todos os outros dias na praça, por que  hoje a única certeza que temos é que esse pode ter sido o nosso último encontro...
Estou a horas tentando me controlar mas está difícil, as coisas não estão dando certo, tudo que eu pedir a Deus foi vocês e a família que tenho, mas estou perdendo todas as bases que me mantém de pé...
Não tenho mais forças, não sou tão forte como costumava ser, e nem tão feliz também.Por que vocês me fizeram ver a felicidade de um ângulo totalmente diferente...(de cima de uma calçada), em dois anos fomos amigas, irmãs, ombros, braços, enfim, fomos tudo. Eu não conto as vezes que vocês enxugaram as minhas lágrimas, que ouviram meus desabafos (não foram poucos), que compartilharam comigo sorrisos de felicidade.
Quem vai me fazer sorrir quando os amor delacerar meu coração? Quem vai me abraçar até a dor passar? Quem vai sorrir de tudo isso comigo quando passar?
Vocês ainda nem foram de fato e no meu peito já sinto a angustia da perda...
Várias vezes tive que dizer adeus...mas confesso desta vez está doendo para caramba e eu simplesmente não quero acreditar que estou perdendo três pessoas que amo ao mesmo tempo, é dor demais até para mim que já estou acostumada a sofrer.
Destino cruel esse, mais uma vez Deus me emprestou a felicidade e a tomou de volta quando percebeu que eu voltei a sorrir...Amigas onde quer que estejamos, estaremos sempre juntas...amo vocês demais e vocês sabem bem, que uma parte de mim pertence a vocês, assim como uma parte de vocês existe em mim.
Sozinha...(Eusóquerochorarempaz).

Nenhum comentário: